Jornal Correio de Notícias

Página Inicial | Esportes | AMRIGS promove ações de estímulo à prevenção do câncer de mama

AMRIGS promove ações de estímulo à prevenção do câncer de mama

E-mail Imprimir

A Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS) está engajada na campanha pelo Outubro Rosa. O objetivo é promover a conscientização da importância da prevenção do câncer de mama. O prédio da entidade, localizado na Avenida Ipiranga, 5311, em Porto Alegre, está com iluminação especial na cor rosa e as mídias digitais também reforçam o trabalho de incentivo ao autoexame.

As ações da AMRIGS se somam a uma série de iniciativas em todo o estado que buscam a detecção precoce da doença, e, por consequência, a redução da mortalidade por ela causada. O câncer de mama é, hoje, uma das principais causas de falecimento de mulheres em todo o mundo. As estatísticas apontam para um aumento de sua incidência tanto nos países ricos quanto naqueles que estão em desenvolvimento.

O médico José Luiz Pedrini, sócio da AMRIGS e vice-presidente para a Região Sul da Sociedade Brasileira de Mastologia, ressalta que a enfermidade é um dos maiores temores das mulheres, afetando a percepção da sexualidade e a própria autoestima das pacientes. Relativamente raro antes dos 35 anos de idade, sua frequência cresce rápida e progressivamente acima desta faixa etária.

Segundo Pedrini, no Brasil, são registrados 58 mil novos casos da doença por ano e 15 mil mortes. No Rio Grande do Sul, são 5.500 novas incidências anuais e 1.200 óbitos. O médico também destaca que os sintomas do câncer de mama palpável são o nódulo ou tumor no seio, acompanhado, ou não, de dor mamária. Podem surgir alterações na pele que recobre a mama, como abaulamentos ou retrações ou um aspecto semelhante à casca de uma laranja. Podem também surgir nódulos palpáveis na axila.

Pedrini enfatiza a necessidade das mulheres realizarem, periodicamente, os exames que detectam o problema. São eles: o autoexame, que deve ser feito mensalmente, e que, em muitos casos, ajudam a vislumbrar os tumores menores, permitindo tratamentos menos agressivos nas mamas; o exame médico anual; e os exames de imagens, representados por mamografia, ecografia e, em casos especiais, a ressonância magnética.

Redação: César Moraes

 

Publicidade

Publicidade

Blogs

Enquete

Você é favor da convocação de Eleições Gerais no Brasil
 

Twitter CN

    Newsletter

    Expediente

    EXPEDIENTE
    Rua Santos Ferreira, 50
    Canoas - RS
    CEP 92020-000
    Fone: (51) 3032-3190
    e-mail: redacao@jornal
    correiodenoticias.com.br

    Banner
    Banner
    Banner

    TurcoDesign - Agencia de Publicidade Digital